No agronegócio, agrofintechs, como a CREDITARES, serão protagonistas desta nova era, canalizando as melhores fontes de crédito e financiamento para o setor

*Por Conteúdo Creditares

O que é o open banking?

De acordo com o Banco Central, conforme matéria da “Folha de S. Paulo”, se trata do compartilhamento de dados, produtos e serviços pelas instituições financeiras e demais autorizadas, que acontece a critério de seus clientes – em se tratando de dados relacionados a eles. É aplicável tanto em pessoas físicas como jurídicas.

Como funciona?

O processo é feito por meio da abertura e da integração de plataformas. Por meio dessas conexões, as instituições financeiras podem se comunicar entre si, assegurando o acesso somente aos dados consentidos pelo cliente.

Qual é o objetivo?

O intuito é aumentar a concorrência, oferecendo a pessoas e empresas a possibilidade de barganhar melhores taxas, prazos e serviços financeiros. O BC prevê também entre os benefícios, a oferta de produtos e serviços mais adequados ao perfil de cada cliente, a custos mais acessíveis e de forma mais ágil e segura.

A agenda do crédito rural está mudando. Quer saber das novas oportunidades de financiamento agrícola? Fale com o time de especialistas da Creditares e tenha acesso a novas fontes de recursos, tornando o seu negócio agro elegível para este novo mercado.

*QUERO SABER MAIS SOBRE O NOVO CRÉDITO RURAL!

Entre os benefícios do open banking destacam-se a previsão de oferta de produtos e serviços mais adequados ao perfil de cada cliente, a custos mais acessíveis e de forma mais ágil e segura

Crédito rural

Como a troca de informações vai mexer no cotidiano de pessoas e empresas?

Um exemplo seria o compartilhamento de dados sobre um empréstimo, como juros, prazos e vencimento. A ideia é que, sabendo das condições de créditos dadas a uma pessoa ou empresa pela instituição “A”, a instituição “B” consiga oferecer juros mais baixos ou prazos maiores, por exemplo, na condição de que o cliente migre seu financiamento.

O open banking é seguro?

Sim. Todo o compartilhamento de dados só é feito com a expressa autorização do cliente e acontece por meio de uma rede à parte, composta por diferentes camadas de segurança e criptografia.

Haverá algum custo?

O BC proíbe a cobrança pelo compartilhamento de dados. A única cobrança possível é a de tarifas pela prestação de serviços.

>> A agenda do crédito rural está mudando. Quer saber das novas oportunidades de financiamento agrícola? Fale com o time de especialistas da Creditares e tenha acesso a novas fontes de recursos, tornando o seu negócio agro elegível para este novo mercado.

*QUERO SABER MAIS SOBRE O NOVO CRÉDITO RURAL!



:: Notícias relacionadas:

Comissão de Agricultura da Câmara destaca nova agenda de crédito para o agronegócio


Crédito rural: captação de recursos em fontes não controladas cresce 32% na safra 2020/21

Creditares completa um ano, alavancando mais de R$ 50 milhões em crédito para o agronegócio


Reajuste dos juros no novo Plano Safra reafirma mudança na agenda do crédito rural


Crédito rural: Agronegócio teme juros mais altos e menos recursos equalizados no novo Plano Safra


Crédito rural: Volume ofertado pelos bancos privados para os produtores rurais aumentou mais de 20%, diz Febraban


Crédito rural: FIAgro vai ampliar e tornar mais acessível recurso privado para o produtor rural

Crédito rural: pesquisa revela quais são as principais dificuldades para o produtor acessar o financiamento agrícola


Captação de crédito rural em fontes não controladas cresce 6% na safra 2020/21


Desbloqueio de recursos subvencionados do Plano Safra depende de votação de Projeto de Lei, afirmam ministérios da Agricultura e da Economia


Crédito rural: títulos verdes avançam como alternativa de financiamento no agronegócio


Bloqueio do Plano Safra atual e aumento de incertezas quanto ao próximo acentuam necessidade de nova agenda para o crédito rural


Crédito rural: BNDES lança nova modalidade de operação destinada a alavancar recursos privados ao agronegócio

Crédito rural: Cortes orçamentários colocam em risco novo Plano Safra, diz Ministério da Economia


Produtor precisa de instrumentos mais modernos para captação de crédito rural, diz FPA


Creditares é selecionada para programa de capacitação e aceleração do Sebrae


Crédito rural: Corte no orçamento da União para o agro ameaça Plano Safra

Captação via Letras de Crédito do Agronegócio cresce 30% no acumulado da safra 2020/21

Ferramentas digitais entregam mais e melhor crédito para o produtor


Crédito rural: Agrofintechs têm grande potencial para financiar o produtor, diz CNA


Crédito rural: produtor, você está atrasado no planejamento da safra 2021/22?

Crédito rural: produtores e produtoras rurais: a trilha para acessar mais e melhor crédito


Crédito rural: próximo Plano Safra vai esbarrar no ajuste fiscal


Crédito rural: Ministério da Agricultura vê como avanço expansão da política de diversificação das fontes de financiamento para o agro


Crédito rural: Demanda do agronegócio é superior ao que é ofertado pelas fontes oficiais, diz CNA


Crédito rural para custeio antecipado beneficia planejamento do produtor

Crédito rural: Letras de Crédito do Agronegócio (LCAs) avançam no custeio da produção


CNA discute prioridades na política agrícola em 2021

Agenda de financiamento do agro é cada vez mais vinculada à captação no mercado privado